• favoritos

    favoritos #33

    [no sentido horário] Normalmente coisas de cozinha não me emocionam, mas olhem esses potinhos!!!1 | Eu amei essa casa, mas eu definitivamente quero ser amiga dessa pessoa | As peças feitas com resina da Gabby D, especialmente essas todas com cores unicórnias | Os papeis de parede e outras estampas da designer Teresa Chan // Sempre bom lembrar, nesses tempos nefastos, dessas cinco brasileiras que fizeram do corpo um instrumento artístico e político, na matéria da Revista Cult; // A lindeza que é esse perfil da Joni Mitchell, na New Yorker, que lembra a gente quão revolucionário é se apaixonar…

  • internet love

    por que eu blogo?

    Eu já escrevi sobre escrever, mas acho que nunca escrevi direito sobre blogar. Vocês também têm vergonha de dizer que ~blogam, assim, e agora só usam a palavra de maneira sarcástica do mesmo jeito que fazem com ~blogosfeira ou ~blogayrinha? Engraçado que quem realmente se importa com isso – ou quem realmente importa nesse meio todo – jamais se refere a si mesmo como blogueiro. A gente ficou perdido num limbo estranho da auto-ironia e depreciação. Ou sempre foi essa nossa motivação? Talvez a minha. De ter aprendido bem a lição de que rir é, sempre, o melhor remédio. De…

  • 30 antes dos 30,  tia da decoração

    30 antes dos 30 – aprender a costurar

    Mais do que zerar o bingo da Tia do Artesanato, aprender a costurar pra mim sempre teve um significado afetivo, já que vovó, a mesma das plantinhas, era costureira. Costureira mesmo, de fazer roupa pra fora, e também costureira das minhas fantasias de carnaval, dos bonecos de pano, de muitas coisas que acabaram desaparecendo junto com os laços depois que ela morreu, e não sei onde foram parar. Coisas essas que incluíam a sua máquina de costura, aquela clássica que todo mundo herdou pra contar uma história: o móvel de madeira, grande e retrô, o pé e a roda de…

  • projeto de vida

    coisas que eu aprendi (e que preciso lembrar)

    Eu poderia chamar esse post de “Coisas que eu vou passar para a minha filha” – porque zero chances de eu ter um menino, se isso acontecer, vocês vão ver realmente o poder da ditura gayzista – mas já basta estar todo mundo aqui achando que eu terminei o relacionamento risos, vocês também vão achar que eu estou grávida. Apenas de olho em vocês. Mas, do alto da minha sabedoria adquirida aos vinte-e-oito-quase-vinte-e-nove, posso dizer que aprendi alguns truquezinhos básicos pra sobrevivência nesse mundão de minha deusa e queria deixar registrado para a pequena futura mini-Isadora, para vocês, para mim,…

  • diarin

    diarin #11 – segue o baile

    Ainda bem que inventam memes novos pra gente poder usar no título do blog, não é mesmo? Por aqui, já entramos naquela loucura de “o ano acabou” em que você quer fazer tudo o que não fez no ano inteiro em um final de semana, as pessoas que não se importaram com você o ano inteiro ressurgem e querem almoçar, os dinheiros entram no modo adeusanovelhofelizanonovo, e tá tudo bagunçado. Vamo. Que tá bagunçado, mas tá bom. TÔ ASSISTINI Quando vi todo mundo falando da nova temporada de Grey’s Anatomy entrei imediatamente na espiral de preguiça de ter que baixar episódios/…