favoritos #25

favoritos25O acessórios de resina feitos pelas meninas do A Beautiful Mess | Era um tutorial de penteado (lindo), também do A Beautiful Mess, mas o que eu apaixonei mesmo é essa blusa maravilhosa e outonal | Esse papel de parede de tirar o fôlego, do My Scandinavian Home, que foge dos tons clarinhos e pastéis das decorações atuais | As ilustrações lindinhas e minimalistas de Oamul Lu, que eu vi lá no Coisas de Pablo 

// Muito tem se falado da bendita da Era de Saturno que está (re?)começando agora, e como boa pisciana que sou, tenho jogado toda a culpa do mundo em quem? Nele mesmo. Esse link tem umas boas explicações, mais pés no chão que o meu drama, do que significa sermos regidos por esse planetinha lindo;

// Este site disponibiliza gratuitamente mais de 2.000 folhetos de cordel, autoexplicativo;

// Relato engraçado e real da Anna, do Ideias de Fim de Semana, que passou um tempo sem comer papelão, digo, carne;

// Milícia femininja do mês: alguns lançamentos da Netflix com mulheres fodonas para 2017; o trailer da incrível campanha “Chega de Fiu Fiu”, que vai virar filme; “Confesso: sou feminista mas não consigo amar meu corpo”, da AzMina; The Future of the Left Is Female, sim sim sim, repete mil vezes sim.

// Eu ainda não superei – e acho difícil que supere – as repercussões da Patti Smith ter errado a letra de A Hard Rain’s A-Gonna Fall, do Bob Dylan, quando ela foi receber o Nobel de Literatura em seu lugar. Eu postei o ensaio que ela fez sobre isso, em paralelo com a sua vida, como reflexão de final de ano, e acho que essa vai acabar sendo a reflexão sobre a vida, de maneira geral. Ainda preciso escrever sobre como essa mulher tem o dom de escrever não só sobre os temas, mas num tom que me toca de uma maneira que nem sei descrever. Conheci recentemente a newsletter da Gabriela Ventura, que usou a situação também de paralelo com um acontecimento da própria vida, e o começo do texto traz uma análise bem bonita da letra da música e da relação Patti + Dylan. Tá aí um livro que, se sair, talvez eu não seja capaz de aguentar.