• do coração

    baladinha

    É mais ou menos assim: o despertador toca, eu acordo – bem brava. Você continua dormindo. Eu olho pra você, você se mexe um pouco pro lado, só pra me deixar com mais raiva: continua dormindo, fica ainda mais lindo. Ressona, passa o braço em volta de mim, que não…

  • favoritos

    favoritos #3

    Vocês pensaram que eu nunca voltaria, não pensaram? Mas tem tanta coisa linda no mundo, gente. Olha só: As cerâmicas do Barruntando:   As meias da Kate Brien:   Tudo o que o Oliver Jeffers faz: Desde livro infantil premiado a lettering do clipe do U2 que me fez repensar…

  • coisas da vida

    as séries que estou assistindo

    Foi a querida da Jules que me deu essa tarefa e, antes de respondê-la efetivamente, tenho que explicar duas coisas: a primeira é que, tipo uma resolução de ano novo, me prometi que vou escrever mais por aqui, participar mais de memes, de “projetos”, dessas coisinhas; a segunda é que essa é…

  • do coração

    virando…

    Desde que me mudei, tem uma coisa que me angustia muito: eu não sei se gosto mais de ficar dentro ou fora de casa. Há 3 meses eu entrei naquela fase ermitão, porque está tudo tão lindinho, tão gostoso, tão meu, que pra que ir lá fora? Esse final de…

  • coisas da vida

    sobre abril

    Susaninha me avisou, já em março, que abril ia ser foda. Dai você estão aí, falando do tal do eclipse (que eu tô sentindo na pele, na carteira, no azar quase cômico). Eu não ia ler, mas eu li. A culpa é de vocês. Ela começa o meu com um…

  • coisas da vida

    sozinha

    Hoje eu cheguei sozinha em casa. Tipo, eu faço isso todo dia. Eu saio do trabalho, venho pra casa, chego sozinha. Nem sempre tem alguém aqui, mas sempre tem gente. Tem uma ligação, um toque “olha, cheguei, fica tranquila”, um abraço até, às vezes – com sorte, um franguinho do…

  • coisas da vida

    um mês

    E faz um mês. Apesar de eu ter prometido pra mim mesma que não faria muito alarde (eu fiz, né?), acho que todo mundo já entendeu que eu mudei de casa. Saí da casa dos meus pais – que agora chama “a casa dos meus pais” – e vim, finalmente,…

  • do coração

    would you be my valentine?

    Eu tinha bastante dificuldade de entender o conceito do Valentine’s Day. Aprendi na escola que era uma espécie de Dia dos Namorados, mas que dava pra você escrever cartões também pros seus amiguinhos, pras suas BFFs. E a gente fazia isso, cada ano comemorando com um presentinho mais brega que…

  • coisas da vida

    agora vai

    2014 começou torto. 2013 foi um ano preguiçoso, desses que empurram com a barriga, e acho que o Ano Novo tentou tirar o atraso. Começou meio atropelado, e atropelando, levando tudo embora com muita ânsia e pouca, pouquíssima sutileza. Tanta vontade de ser diferente que acabou esquecendo que o igual…

  • viaja isa

    sobre Cuba

    Eu demorei pra escrever sobre Cuba porque eu estava de ressaca. Uma ressaca que nada tinha a ver com a média de 1,7 mojitos/dia que eu tomei durante a viagem; Mais parecida com a ressaca que eu senti no pós-show do Paul McCartney. Uma ressaca que sussurrava lá dentro: você…

  • favoritos

    favoritos #2

    Essa entrevista com Blexbolex, no blog da Cosac Naify: O artista francês Blexbolex, autor de Cantiga, um dos livros mais lindos que eu já vi – e que ganhei de presente da minha querida @stephieborges – deu uma entrevista exclusiva para o ilustrador Daniel Bueno. Vale a pena ler, nem…

  • coisas da vida

    resoluções (possíveis) para 2014

    Eu ia passar batido sem isso, mas achei importante, no final. Mentira: na real eu li duas listas de resoluções de ano novo que me incentivaram a fazer a minha, ainda que mambembe, por aqui. A primeira foi a divertidíssima Minhas promessas para 2014, de um dos meus autores preferidos, Juan…