• projeto de vida

    é na manteiga, manteiga, manteiga, manteiga (4X)

    Eu tinha uma ideia de começar a postar receitinhas aqui no blog. Porque claro, faz parte da hipsterização da minha vida aprender a cozinhar. As fotos vão para o instagram, com filtros bonitos, mas eu nunca consigo mostrar lá o quanto meus pratos são apetitosos. Eu e namorado já fizemos risoto, macarrão e, a última, foi um hambúrguer melhor do que eu comi na melhor lanchonete da cidade (risos).  Mas, algumas coisas me impediram de seguir no projeto. A primeira delas é que eu não tenho uma cozinha. Assim, a arte da culinária fica restrita a momentos de abandono integral…

  • projeto de vida

    dança comigo, remexe bem

    Eu nunca fui magra. E também nunca quis tentar ser. Sempre tive muita consciência de que eu nunca seria conhecida como “aquela magrinha”, e nem poderia ser uma dessas abençoadas mulheres que andam por ai sem sutiã, mesmo após eu ter comprado meus próprios peitos. Eu até tinha a esperança que um dia se referissem a mim como “aquela pequenininha ali”, porque, afinal de contas, eu passei bem longe da fila de altura, mas o que não me deram em pernas, me deram em “onas” distribuídas em meu metro e meio. Tranquilo. Nada de mignon, nada de pernas finas. Sempre…

  • vida bandida

    canja

    Então que o restaurante da firma custa R$ 13,50 pros “não-funcionários e colaboradores”, e você se encaixa nessa magnânima categoria. E dai que o restaurante da firma é ruim. Claro que, além disso, você gasta R$ 13,50 por dia – não é uma metáfora, a minha vida se desenrola em ironias metafísicas assim – de transporte público, porque você (ainda) mora em outra cidade. Não preciso dizer nada sobre a qualidade do transporte. Nesse cenário, fica óbvio que eu estou emagrecendo. Até porque – por mais uma dessas ironias cósmicas – R$ 27 é exatamente o valor da parcela do…